Descanso em Cristo

Portuguese, Brazil
(Mateus 12)
Year: 
2016
Quarter: 
2
Lesson Number: 
6
Introdução: Como advogado, acredito em regras. Regras corretas proporcionam o máximo de liberdade, inclusive liberdade religiosa. Deus acredita nas regras da lei, caso contrário, Jesus não teria vindo cumprir as exigências da lei em nosso nome. Conflitos entre regras e diferentes pontos de vista, sobre a mesma regra, mantém os advogados no mundo dos negócios. Nossa lição, nesta semana, trata da classificação das regras de Deus. Vamos mergulhar em nosso estudo em Mateus e ver o que podemos aprender sobre a natureza das regras de Deus!
 
I. A Regra do Jugo 
 
A. Leia Mateus 11:28-30. Semana passada, olhamos esses versículos. Vamos considerar um aspecto adicional. Jesus nos ofereceu um "jugo". Isso é uma coisa boa ou ruim? 
 
1. Não seria um jugo, semelhante a uma regra, impondo-nos restrições? (O jugo é uma restrição, mas, o bom de tudo isso é que Jesus é a outra pessoa do jugo. Isso quer dizer que Jesus está manejando cada tarefa, cada desafio, cada problema, para você. Essa é uma restrição que ajuda. Ela mostra misericórdia.)
 
B. Leia Mateus 12:1-2. Por que não era permitido colher espigas? (O problema não era roubo de grãos  (Deuteronômio 23:25). A acusação era sobre o trabalho no sábado (Êxodo 20:8-11).)
 
C. Leia Mateus 12:3-4. O que você acha da resposta de Jesus? Não é essa a resposta que seus filhos lhe dariam - que outras pessoas fizeram isso?  “Ele fez isso! Ela fez isso!”
 
1. Que resposta poderia ser melhor do que "outros estão fazendo a mesma coisa"? (Eu responderia que isso não é trabalho.)
 
D. Leia 1 Samuel 21:1-6. Davi estava dizendo a verdade, sobre estar numa missão para o rei Saul? (Não. Se você ler o capítulo anterior, verá que Jônatas avisou Davi que o rei Saul queria matá-lo. Davi estava fugindo de Saul.)
 
1. O que há de semelhante entre a situação de Davi e a situação dos discípulos de Jesus? (Eles estavam famintos.)
 
2. Será que é essa a lição que devemos aprender sobre o sábado - está certo quebrar regras, se você estiver com fome? 
 
a. Se não é essa a lição, então qual foi a instrução que Jesus passou? 
 
(1) Ajudar os outros é mais importante do que regras? 
 
b. E se ajudar os outros for a regra principal?
 
(1) Isso é um padrão? Isso é uma regra? 
 
E. Leia Mateus 12:5-8. O que Jesus quis dizer quando falou que Ele era o "Senhor do sábado"? (Ele decide o que é apropriado fazer no sábado.)
 
1. O que Jesus quis dizer com "desejo misericórdia, não sacrifícios"? (Oséias 6:6) (Se os discípulos de Jesus e Davi se tivessem abstido da comida, isso teria sido um sacrifício. Assim, Jesus estava dizendo que para o mandamento do sábado (e, aparentemente, para outros) o objetivo é mostrar misericórdia. )
 
2. Isto é uma regra? (Eu acho que é. Considere seu ponto de vista sobre a segunda metade dos Dez Mandamentos e todas as outras regras similares na Bíblia. Elas estão lá para fazer-nos tropeçar, para nos pegar em pecado? Ou elas estão lá porque Jesus nos ama e quer que vivamos livres de problemas desnecessários? Acho que as regras existem para mostrar-nos misericórdia - e era isso que Jesus estava salientando. Seu “jugo” é misericórdia para nós.)
 
3. Observe que o mandamento sobre o sábado não está na “segunda metade” dos Dez Mandamentos. Ele diz respeito à adoração a Deus ou a termos uma vida melhor? ( O Quarto Mandamento é uma transição entre os mandamentos relacionados a Deus e aqueles que dizem respeito aos homens. Leia Marcos 2:27-28. Sábado é dia de descanso para o homem mas é, também, um momento especial para recordar o que Deus tem feito por nós.)
 
II. A Regra da Mão Atrofiada
 
A. Leia Mateus 12:9-10. Se você entendeu que misericórdia é o objetivo por trás das regras de Deus, como você responderia a essa pergunta? (Obviamente, a resposta é "sim".)
 
B. Leia Mateus 12:11-13. Como essa história reforça as anteriores, sobre a colheita dos grãos e Davi, comendo o pão no santuário? (Isso mostra que misericórdia é a regra mais importante, estando acima de quaisquer outras considerações.)
 
1. Vamos voltar para a história de Davi e o pão do templo. Qual era o propósito do templo e das cerimônias que aconteciam nele? (Apontar para a vinda de Jesus e sua morte em nosso favor.)
 
a. Elas mostraram misericórdia por nós? (Sim! Preferir que as regras sobre o pão do templo estivessem acima das necessidades de Davi, seria ignorar todo o fim a que se referia a cerimônia do templo - que Deus estava vindo para nos mostrar misericórdia!)
 
C. Você acha que Deus pôs as regras em uma hierarquia?  Algumas regras são mais importantes do que outras?
 
1. Na legislação americana, existe uma regra de construção estatutária que diz que uma regra  substitui outra, somente se existir um conflito direto. Nas histórias que vimos até agora (colheita dos grãos no sábado / Davi comendo o pão do santuário) havia um conflito direto entre a regra de misericórdia e o sábado ou as regras do santuário? (Levítico 24:8-9 conflita, diretamente, com a ato de Davi, ao comer o pão do santuário.  Além disso, Jesus admitiu que existia um conflito  (Mateus 12:4). Embora eu não veja o conflito com a colheita dos grãos, Jesus absteve-se de discutir, com seus discípulos, se não houve trabalho. Acho que o ponto, para Jesus, é que havia uma hierarquia de regras.)
 
2. Existe alguma alternativa para explicar a hierarquia de regras? (Todas as regras têm um núcleo comum - apresentar misericórdia.)
 
D. Leia Mateus 12:14. De que modo os líderes religiosos estavam se mostrando? (Sem misericórdia. Eles manifestaram ódio. Essa foi uma clara violação das regras.)
 
III. A Regra da Misericórdia 
 
A. Leia Mateus 12:15-16. Depois que Jesus descobriu a trama para matá-lO, Ele se retirou. Para Ele, seria perigoso fazer curas? (Sim, seria provocar ainda mais os líderes religiosos que queriam matá-lO.)
 
1. Ainda assim, por que Jesus fez isso? (Por misericórdia!)
 
B. Leia Mateus 12:17-21. O que nos foi dito que Jesus irá fazer? (No poder do Espírito Santo, Ele anunciará justiça. Ele vai levar "à vitória a justiça". Ele criará esperança.)
 
1. O que Jesus não vai fazer? (Não discutirá nem gritará. Não levantará Sua voz. Não vai ferir ainda mais aqueles que já estão feridos.)
 
C. Releia Mateus 12:20. Um “pavio fumegante” perde sua chama. Um "caniço rachado" pode quebrar, porque já está danificado. Que tipo de pessoas estão  sendo descritas? Pessoas doentes? Desanimadas? Pessoas que perderam a chama da fé? 
 
1. Será que as pessoas que apoiam ou incentivam ativamente estilos de vida pecaminosos, que são hostis à religião, também se qualificam como caniços rachados e pavios fumegantes?
 
IV. A Regra do Perigo
 
A. Leia Mateus 12:22-23. O que as pessoas pensaram?  (Elas sugeriram que Jesus era o Messias.)
 
B. Leia Mateus 12:24. O que os líderes religiosos afirmaram? (Que o poder de Jesus vinha de satanás.)
 
C. Em Mateus 12:25-29, Jesus elaborou uma série de argumentos lógicos a respeito de porque ele não estava usando o poder de satanás. Leia Mateus 12:30-32. Por que Jesus disse que blasfemar e falar "contra o Espírito Santo" é pecado que não pode ser perdoado?(Atribuir a satanás a obra do Espírito Santo é pecado que não pode ser perdoado.)
 
1. Hoje pela manhã, troquei algumas anotações com um colega que argumentou que o louvor sincopado contemporâneo é demoníaco. Acredito que a música de louvor contemporâneo envolve, em parte, o Espírito Santo levando minha mente, diretamente, a Deus. Veja 1 Coríntios 14:14-17.  No entanto, a questão que eu quero que você considere não é a música mas, a investida do poder demoníaco. Qual é o perigo? (O perigo é o pecado imperdoável! Cristãos que acusam outros cristãos de usar o poder de satanás estão em terreno muito perigoso. Eles precisam estar seguros de que são investidas de poder demoníaco ou  não fazer tais acusações.)
 
2. O colega que discordou de mim cometeu o pecado imperdoável? (Isto não é o mesmo que tropeçar em um fio. O problema é que o Espírito Santo nos convence do pecado. João 16:8-9. Quando começamos a resistir o poder do Espírito Santo, afirmando que é demoníaco, afastamos seu poder convincente de nossa vida. Isso é um processo e, não, um simples comando.)
 
D. Amigo, você está convencido que a misericórdia está por trás das regras de Deus para a vida? Você vai decidir, hoje, a mostrar a misericórdia de Deus para outras pessoas? E a descansar na misericórdia de Deus para você?
 
V. Na próxima semana: "Senhor dos Judeus e Gentios"
 
Tradução: Denise de Mesquita
 
**********************************

 
Direito de Cópia de 2016, por Bruce N. Cameron, J.D. Todas as referências das Escrituras são da Bíblia de Estudo na Nova Versão Internacional (NVI), editada em 2003 pela Editora Vida – São Paulo, a menos que indicado de outra forma. As citações da NVI são usadas com permissão. As respostas sugeridas encontram-se entre parênteses. As frases entre chaves { } foram acrescentadas pelo tradutor e não constam no original. Ore pela direção do Espírito Santo enquanto estuda.
 
Se você costuma receber esses comentários por e-mail mas, em alguma semana, houve  falha ou extravio do recebimento, você poderá encontrá-los clicando neste link: 

 
Estes comentários referem-se às Lições da Escola Sabatina, publicadas em Português pela Casa Publicadora Brasileira, cujo original pode ser encontrado semanalmente em "http://www.cpb.com.br/htdocs/periodicos/les2016.html

 

**********************************