Paulo e a Rebelião

Portuguese, Brazil
(Romanos 5, 1 Coríntios 3 e 12)
Year: 
2016
Quarter: 
1
Lesson Number: 
10
Introdução: Qual a importância da igreja? Já ouvi pessoas afirmarem que estar na natureza é tão bom, se não melhor do que estar na igreja. Há uma verdadeira benção na natureza mas, é uma benção diferente daquela que se recebe ao frequentar, regularmente, a igreja. Aprendemos nesta semana que todos nós estamos juntos no pecado e, precisamos estar juntos na batalha contra ele. Vamos mergulhar em nosso estudo bíblico e aprender mais!
 
I. A Solução para o Pecado
 
A. Leia Romanos 5:12. Quem é esse “um homem”? (Adão, como veremos assim que lermos.)
 
1. Você escolheu pecar? (Sim: “todos pecaram”. No entanto, isso sugere algo mais - que a nossa decisão de pecar nos levou, automaticamente,  para a morte, por causa da decisão prévia de Adão.)
 
B. Leia Romanos 5:13-14. O que significa “o pecado não é levado em conta quando não existe lei”? (O restante do texto diz que morremos antes que a lei tivesse sido dada, mesmo aqueles que “não cometeram pecado”. Assim, isso não pode significar que o castigo para o pecado não foi levado em conta. Em vez disso, deve significar que o pecado não foi rotulado como tal. Para Adão e Eva foi dado um mandamento específico e eles o violaram. Antes que os Dez Mandamentos tivessem sido proferidos as pessoas morriam, mesmo que não tivessem um mandamento específico para quebrar.)
 
1. Qual é a lição prática para nós? (Os Dez Mandamentos servem o propósito de identificar o pecado. Eles não mudam o fato de sermos pecadores.)
 
C. Leia Romanos 5:15-17. Em um nível muito simples, podemos ver que “não há comparação entre a dádiva e a transgressão”, em que uma nos leva a mergulhar no pecado e à morte e, a outra “trouxe justificação” do pecado. O que significa o detalhe adicional “por um pecado veio o julgamento” mas, “a dádiva decorreu de muitas transgressões”? (Somos vítimas do pecado de Adão. Seu pecado nos prejudicou. Mas, já  havíamos optado, pessoalmente, pelo pecado quando Jesus consertou nossos problemas de pecado, trazendo-nos a justificação.)
 
D. Leia Romanos 5:18-19. Parece que o texto está dizendo que nossa justificação é automática, através de Jesus. Está correto? (Acho que o texto deveria ser entendido por dizer que a viabilidade da justificação é automática. O argumento de Paulo trata de como o pecado e a graça se espelham entre si e, a observação de Paulo é que pecamos pessoalmente.)
 
E. Leia Romanos 6:1-4. O que o texto acrescenta à evidência de que necessitamos escolher a graça? (Ele nos diz que no batismo chegamos à morte de Jesus e Sua ressurreição. É estabelecida uma nova vida. “A fim de que…vivamos uma nova vida”.)
 
1. O que esses versículos nos ensinam sobre comunidade? (Estamos nisso juntos. Estávamos juntos no pecado e estamos juntos na graça. A seguir, vamos ver o lado prático disso.)
 
II. A Solução para a Igreja
 
A. Leia 1 Coríntios 3:10. Que “alicerce” Paulo estava construindo? (Leia 1 Coríntios 3:5-9, para a explicação. Paulo estava falando sobre o “edifício” composto pelos seguidores de Jesus.)
 
B. Leia 1 Coríntios 3:10-15. O que esses versículos dizem para aqueles que trabalham para melhorar a igreja? (Que devemos “ter cuidado” ao construirmos, e que devemos usar os melhores materiais.)
 
1. Sempre que leio esse texto, penso, imediatamente, sobre o ato de ensinar e a necessidade que tenho de esforçar-me ao máximo   para ser um professor “padrão-ouro”. Mas, essa é uma visão muito limitada. Aqueles que trabalham com crianças na igreja são construtores. Aqueles que se envolvem no serviço de pregação são  construtores. Quem visita doentes é construtor. Quem atende as exigências físicas da igreja é construtor. A questão é esta: se você é construtor, você está sempre se empenhando em fazer um “trabalho padrão-ouro”? Você está buscando arduamente a excelência?
 
2. Vamos olhar para isso de um ângulo diferente. Vamos dizer que um professor esteja construindo com “prata” ou com material inferior. Isso quer dizer que devemos nos opor a eles? (Precisamos conter nossas críticas àqueles que podem não estar fazendo as coisas do modo exatamente correto (em nossa visão). Precisamos continuar promovendo a obra padrão-ouro, porque não queremos “queimar” nada, mas precisamos reconhecer que existem muitos outros construtores, mesmo que seu trabalho não esteja num padrão-ouro.)
 
C. Leia 1 Coríntios 3:16. O que é o santuário de Deus, dado o contexto que temos estudado? (Nossos irmãos cristãos. É a igreja.)
 
1. Você conhece pessoas que não “constroem nem mesmo com palha”, que são destruidores da igreja? 
 
a. Quem vai consertar esse problema? (“Deus vai destruí-los”.)
 
D. Leia 1 Coríntios 12:12-13. Quando eu era criança, havia a minha igreja denominacional e o restante das igrejas denominacionais “impuras”. Atualmente, tenho trabalhado com a colaboração próxima de outros cristãos, e percebo que eles estão crescendo em suas denominações e sentiam o mesmo com relação as suas igrejas - na verdade, minha denominação deve ter sido particularmente suspeita aos seus olhos! Quem diria? O que esses versículos dizem sobre a atitude “deles e nossa”, entre os cristãos? (Que somos “um corpo” no Espírito Santo e bebemos do mesmo e “único Espírito”.)
 
1. O que isso nos ensina sobre aqueles membros que desprezam outras igrejas denominacionais? (Eles ainda não beberam o suficiente do Espírito Santo.)
 
E. Leia 1 Coríntios 12:14-17. Minha igreja tem a missão especial de promover a mensagem de Apocalipse 14:6-12. Está certo considerá-la como a mensagem do “olho” {promovida pelo olho, como parte do corpo}? Ou seja, é apenas uma parte da mensagem global, apresentada por cada uma das denominações, na grande igreja cristã?
 
1. Quando eu era jovem, fui ensinado que as várias igrejas denominacionais, que eram mais antigas que a nossa, tinham uma mensagem especial e, cada denominação subsequente, acrescentava um requinte a mais, até que chegou minha denominação, para proclamar o requinte final. Existe uma base bíblica para esse ponto de vista? Ou, a melhor explicação seria encontrada no capítulo que estamos estudando, de que cada “parte” da igreja cristã traz sua própria mensagem, única e importante?
 
2. Se minha sugestão estiver correta, isto ajuda a fazer sentido o trabalho de todas as igrejas cristãs? Ao invés de reclamar que todas as denominações mostram uma falha de unidade, o que dizer se todas as denominações fazem parte do corpo de Cristo, todas com um suplemento especial da verdade? Você pode imaginar o pé falando: “temos muitas parte do corpo por aqui  que mostram falta de unidade”?
 
F. Leia 1 Coríntios 12:18-20. Quem é responsável pelo papel especial de cada parte da igreja cristã? (Deus!)
 
1. Considere este exemplo: meu avô, meu tio e meu primo foram ministros na igreja do Exército da Salvação. Muitos dos meus parentes são membros desta admirável denominação. Será que essa igreja tem um papel especial no corpo de Cristo, e que você pode identificar? (Sim, ela é conhecida pelos serviços aos pobres e sem-teto.)
 
2. Quando eu era jovem e ignorante, me orgulhava de que eu achava ter uma compreensão mais requintada da teologia, do que a de meu tio, que era ministro do Exército da Salvação. É como a orelha achar que é superior ao nariz! Não acho que eu vá alcançar o nível de amor e confiança em Deus, que meu tio mostrou. Ele foi um homem de Deus surpreendente! O que você acha que pode aprender com os membros de outras igrejas? 
 
a. Como podemos cooperar com eles para fazer avançar o Reino de Deus, o corpo de Cristo?
 
G. Leia 1 Coríntios 12:21-26. Sugeri que você deve considerar se as palavras de Paulo são aplicadas a todas as diferentes denominações cristãs. De que outras formas elas podem ser aplicadas?
 
1. Será que poderiam ser aplicadas às facções  {grupo dissidente} dentro de nossa igreja denominacional?
 
2. Você aplicaria a sua igreja / congregação local? 
 
3. Se as palavras de Paulo se aplicam as outras denominações e às facções dentro de nossa igreja e na sua congregação local, como você compreenderia os comentários de Paulo sobre as peças “menos nobres” e  “indecorosas”? (Quando leio comentários na internet, sobre supostos membros de minha igreja, às vezes penso “Não preciso de você!”  Paulo me corrige quando disse que “devemos ter igual cuidado uns pelos outros”.)
 
H. Amigo, precisamos estar em comunhão com outros membros da igreja. Precisamos daqueles que têm dons espirituais diferentes, talentos diferentes e pontos de vista diferentes. Se você não está frequentando regularmente a igreja, por que não se comprometer a começar neste sábado?
 
III. Na próxima semana: “O que Pedro disse sobre o grande conflito”
 
Tradução: Denise de Mesquita
 
**********************************
 
Direito de Cópia de 2016, por Bruce N. Cameron, J.D. Todas as referências das Escrituras são da Bíblia de Estudo na Nova Versão Internacional (NVI), editada em 2003 pela Editora Vida – São Paulo, a menos que indicado de outra forma. As citações da NVI são usadas com permissão. As respostas sugeridas encontram-se entre parênteses. As frases entre chaves { } foram acrescentadas pelo tradutor e não constam no original. Ore pela direção do Espírito Santo enquanto estuda.
 
Estes comentários referem-se às Lições da Escola Sabatina, publicadas em Português pela Casa Publicadora Brasileira, cujo original pode ser encontrado semanalmente em "http://www.cpb.com.br/htdocs/periodicos/les2016.html"
 
 

**********************************