Jesus em Jerusalém

Portuguese, Brazil
(Mateus 21 e 22)
Year: 
2016
Quarter: 
2
Lesson Number: 
10
  1. Introdução: Aceitar um líder tem consequências, uma vez que significa concordar que a pessoa conduza e tome decisões críticas. Mateus fez uma transição em suas contínuas provas de que Jesus era o Messias e o Senhor. A partir de então, ele começou a enumerar as consequências de recusar-se a seguir, ativamente, Jesus. Vamos estudar a fundo na Bíblia e aprender mais! 
     
    I. A Entrada
     
    A. Leia Mateus 21:1-3. Se Jesus lhe desse essas instruções, você as questionaria? (Eu ficaria preocupado por ter que pegar bens de valor, com base no que eu deveria dizer: "O Senhor precisa deles". No entanto, se Jesus podia ver o futuro, como eu poderia duvidar de qualquer coisa que Ele dissesse?)
     
    B. Leia Mateus 21:4-5. O que Mateus estava comprovando aqui? (Mais uma vez, que Jesus cumpriu a profecia de que Ele era o Messias. Observe que Ele veio humildemente.)
     
    C. Leia Mateus 21:6-9. Leia Mateus 16:20. O que estava acontecendo? (Era hora de proclamar que Jesus era o Messias.)
     
    1. O que a multidão disse sobre Jesus? (Que Ele era o “Filho de Davi”, Aquele  que veio  “em nome do Senhor” e “Hosana!”)
     
    2. Leia Salmos 118:25-26. "Hosana” significa “salva-nos agora" ou “por favor, salva-nos”. Que ponto adicional o Salmo 118 nos ensina, no que diz respeito ao clamor da multidão? (Que Jesus era quem vinha salvá-los. Isso declarou oficialmente que Jesus era o Senhor e o Messias prometido.)
     
    D. Leia Mateus 21:10-11. Aquela resposta deveria criar um problema? (Leia Mateus 2:3-6. Se as pessoas estivessem bem informadas sobre as profecias messiânicas, geraria conflito dizer que Jesus era de Nazaré.)
     
    1. O que você teria feito se estivesse lá ouvindo isso?  (Investigaria mais. Espero!)
     
    II.  O Templo
     
    A. Leia Mateus 21:12-13. Nós prestamos atenção ao que outras pessoas falam a respeito de Jesus. Temos acompanhado a série de provas de Mateus, sobre Jesus. O que Jesus falou acerca dEle próprio? (Ele chamou o templo de "minha casa" e reivindicou autoridade sobre o que estava acontecendo nele.)
     
    B. Leia Mateus 21:14-15. Os líderes religiosos estavam indignados por Jesus estar curando pessoas? (Leia Mateus 21:16. Eles estavam indignados porque a multidão O chamava de “o Filho de Davi” e, em seguida, Ele agiu como seu líder.)
     
    C. Leia Salmos 8:1-2. Este foi o texto que Jesus citou. Que pontos são estabelecidos no texto? (Que Jesus é o Senhor, que Deus ordenou o louvor por parte das crianças e, a razão para isso é  “silenciar o inimigo que busca vingança". Jesus chamou os líderes religiosos de "inimigos e vingadores"!)
     
    III. A Figueira
     
    A. Leia Mateus 21:17-19. Isto é uma coisa boa ou ruim? Jesus destruiu alguma coisa com raiva?
     
    1. O que fez a figueira, para provocar sua destruição? (As folhas enganam você levando a achar que elas são figos.)
     
    2. Essa é uma lição para aqueles que se dizem cristãos?
     
    B. Leia Mateus 21:20-22. Recentemente, assisti um filme que mostrava vários milagres sem utilidade. As pessoas desenvolviam dentes de ouro, jóias falsas vinham do nada, etc. A natureza inútil dos milagres me fizeram pensar sobre sua origem. Em Mateus 21, estamos lidando com milagres sem utilidade: provocar a perda do vigor de uma árvore e lançar montanhas ao mar? (A árvore é uma lição para os hipócritas. As montanhas podem representar os desafios e problemas na sua vida. Jesus nos disse que a fé é a resposta para os desafios da vida.)
     
    IV. A Vinha
     
    A. Leia Mateus 21:33-36. Que argumento poderia fazer os arrendatários terem aquele comportamento? (Eles não tinham desculpas para isso.)
     
    B. Leia Mateus 21:37-39. Qual foi o motivo para matar o filho? (O patrimônio. A ganância. O roubo.)
     
    C. Leia Mateus 21:40-43. Jesus disse que essa parábola se referia aos líderes religiosos e às pessoas que iriam matá-lO. Que propriedade eles queriam? O que significa roubar sua vinha? (Deus esperou que Sua nação escolhida produzisse frutos espirituais. Ao invés disso, eles direcionaram os lucros e elogios para si próprios.)
     
    D. Pense, novamente, sobre a figueira seca. Foi, realmente, um milagre sem sentido? Destruição sem sentido? (Isso ilustra porque a nação judaica, que rejeitou Jesus, seria, em seguida, destruída.)
     
    E. Leia Mateus 21:44. Essas são as nossas duas opções na vida?
     
    F. Leia Mateus 21:45. O alvo da discussão de Jesus teve dúvidas? (Não. Mateus deixou o ponto muito claro.)
     
    V. O Casamento
     
    A. Leia Mateus 22:1-5. Por que os convidados não compareceram ao casamento? (Eles estavam muito ocupados.)
     
    1. De que modo as suas desculpas se assemelham aos motivos dos que queriam roubar a vinha?  (Ambos os grupos estavam a procura de ganho financeiro. Eles estavam tentando aumentar seus bens.)
     
    2. Qual a importância do casamento do rei?
     
    B. Leia Mateus 22:6-7. Isso foi justo? (Eles eram assassinos! Eles insultaram e enfureceram seu rei.)
     
    1. Não é exagero matar as pessoas por terem insultado você e o deixarem furioso? (Mais uma vez, considere o contexto. Anteriormente, Mateus havia relatado a história da figueira e da vinha. Ser hipócrita, opor-se ao evangelho, maltratar e matar os seguidores de Deus e, rejeitar a Deus têm consequências.) 
     
    C. Leia Mateus 22:8-10. Qual foi o critério de seleção aqui? Existiam hipócritas e pessoas más naquela multidão? O convite era para todos. Pessoas “más” (bem como as boas pessoas) aceitaram o convite. O critério da seleção foi aceitar o convite.)
     
    D. Leia Mateus 22:11-12. O que é tão surpreendente em não ter a roupa certa? Aquelas pessoas foram tiradas das esquinas e estavam vestidas para fazer compras, trabalhar e relaxar!
     
    1. Por que você acha que apenas uma pessoa não estava usando a roupa certa? (Isso nos ajuda a preencher as lacunas dos fatos. Todos, não apenas um homem, deviam estar deficientes, com relação ao vestuário. Assim, aprendemos que o rei deve ter dado trajes de casamento para todos os convidados mas, apenas aquele homem recusou-se a vestir.)
     
    a. Vamos seguir a lógica. O final do versículo 12 nos diz que o homem “emudeceu”.  Sensatamente, que fatos adicionais podemos deduzir? (A culpa não era do rei pois, se ele estava cobrando as vestes especiais, isto quer dizer que as roupas que aquele homem usava não eram adequadas. Então, se este não soubesse de nada, teria dado uma desculpa. De alguma forma, o homem achou que tinha direito de recusar a oferta do rei.)
     
    b. O que teria feito esse cara pensar que tinha o direito de recusar-se a vestir o traje especial de casamento, oferecido pelo rei? (Ele gostava de suas roupas e pensava que elas estavam mais bem adequadas. Ele não precisava da generosidade do rei, já que era um bom alfaiate.)
     
    (1) E você? Você se orgulha de suas obras?
     
    E. Leia Mateus 22:13. O que aconteceu com aquele sujeito? (Ele foi amarrado e lançado nas trevas.)
     
    1. Vamos focar o final do versículo. Que tipo de sentimento provoca choro e ranger de dentes? (Teria sido tão fácil aceitar os trajes que o rei ofereceu. Como ele pode cometer um erro tão grande, passível de julgamento?)
     
    F. Leia Mateus 2:14. Vimos que todos as pessoas mencionadas na história foram convidadas. O que Jesus quis dizer com “poucos são escolhidos”? Apenas um sujeito parece ter sido surpreendido e perdeu o casamento. (A única resposta razoável é que Jesus se referiu à auto-seleção. Todos os convidados originais rejeitaram o rei, porque estavam muito ocupados para prestarem atenção. Eles não eram amigos do rei e, aparentemente, não quiseram ir ao casamento, uma vez que maltrataram seus servos.)
     
    G. E quanto a você, amigo? Você está muito ocupado e tão preocupado com a vida, a ponto de não se interessar no convite para aceitar Jesus, como seu Senhor e Salvador? Ou você faz parte dos poucos que acham que sua própria justiça é suficientemente boa? Por que não prestar atenção, agora mesmo, arrepender-se e aceitar o manto de justiça de Jesus? 
     
    VI. Na próxima semana: "Eventos Finais"
     
    Tradução: Denise de Mesquita
     
    **********************************
     
    Direito de Cópia de 2016, por Bruce N. Cameron, J.D. Todas as referências das Escrituras são da Bíblia de Estudo na Nova Versão Internacional (NVI), editada em 2003 pela Editora Vida – São Paulo, a menos que indicado de outra forma. As citações da NVI são usadas com permissão. As respostas sugeridas encontram-se entre parênteses. As frases entre chaves { } foram acrescentadas pelo tradutor e não constam no original. Ore pela direção do Espírito Santo enquanto estuda.
     
    Se você costuma receber esses comentários por e-mail mas, em alguma semana, houve  falha ou extravio do recebimento, você poderá encontrá-los clicando neste link: 
     
    Estes comentários referem-se às Lições da Escola Sabatina, publicadas em Português pela Casa Publicadora Brasileira, cujo original pode ser encontrado semanalmente em "http://www.cpb.com.br/htdocs/periodicos/les2016.html
     

    **********************************